Livros

[Resenha 009] A Guerra dos Tronos - As Crônicas de Fogo e Gelo, Livro 1

14:30,2 Comments

Imagem retirada do Google
Título: As Crônicas de Fogo e Gelo, Livro 1 - A Guerra dos Tronos
Título Original: A Song of Ice and Fire, Book 1 – A Game of Thrones
Autor: George R. R. Martin
Gênero: Fantasia Épica
Páginas: 1066
Ano: 2012
Editora: Leya
ISBN: 9788580446265

Sinopse: A Casa Stark é uma das grandes casas nobres dos sete reinos, tendo como patriarca o Lorde Eddard Stark. Após a visita de seu velho amigo Rei Robert Baratheon, ele aceita o convite para ser a Mão do Rei. Quando aceitou a esse pedido, ele não sabia que sua vida mudaria e uma sequência de tragédias iriam acontecer. Com a intenção de proteger o Rei, ele tem como inimigos os Lannister, uma família ambiciosa e que não sabe o que é limites. Paralela a esta história, na Cidade Livre de Pentos, Daenerys Targaryen, aos seus trezes anos, é vendida por seu irmão para se casar com Khal Drogo, um guerreiro nômade dothraki, será ela feliz com esse casamento? E Eddard Stark, sabendo que se encontra sozinho e que o Rei está em perigo, o que fará para proteger a sua família também? E nessa Guerra por Tronos, quem vencerá?

“Nunca se esqueça de quem você é, porque é certo que o mundo não se lembrará. Faça disso a sua força. Assim, não poderá ser nunca a sua fraqueza. Arme-se com esta lembrança, e ela nunca poderá ser usada para magoá-lo. ”



George R. R. Martin nasceu no dia 20 de setembro de 1948 em Nova Jersey, Estados Unidos. Além de escritor, ele também é roteirista de filmes de ficção cientifica norte-americano. Quando era jovem, tinha um grande interesse em fazer jornalismo, além de escrever contos e vender para crianças de sua vizinhança. Iniciou seus trabalhos como roteirista de TV e ao mesmo tempo, como editor de livros. Foi no ano de 1991, que ele começou a escrever uma fantasia tendo como inspiração a Guerra das Rosas, nomeado As Crônicas de Gelo e Fogo, onde seu primeiro volume foi publicado no ano de 1996, atualmente ele é conhecido por esta série que já está em seu quinto volume e tem previsão para ser escrito até o sétimo volume. Outras de suas obras são: A Morte da Luz, Sonho Febril, O Cavaleiro de Westeros e outras histórias, Ruas Estranhas, entre outros livros.

“Ele sempre foi muito esperto, mesmo quando era criança. Mas uma coisa é ser esperto, outra é ser sábio. ”

Olá meus queridos leitores, esta é a primeiríssima resenha do ano, e decidi começar por este livro que li em 2014 e que tinha muita vontade de ler. É um gênero que gosto muito, fantasia épica, estava com uma enorme vontade de lê-lo. Eu concordo que o livro é um diferencial deste gênero. Conta com três histórias principais que são contadas simultaneamente durante todo o livro.

Eddard Stark, o senhor de Winterfell e Lorde da Casa Stark, recebeu um convite de seu amigo Robert Baratheon, aceitando ao pedido ele tornou-se a Mão do Rei. Casado com Catelyn Tully, juntos tiveram cinco filhos: Robb, Sansa, Arya, Bran e Rickon, entretanto, fora do casamento ele também tem um filho, chamado Jon Snow. Sabendo que deveria proteger o Rei, por conta disso, conquistou grandes e perigosos inimigos, os Lannister. Sozinho dentro do castelo, sem pessoas para confiar, ele começa com suas investigações, que colocam sua família em perigo. Já na Muralha, ou seja, a fronteira do norte dos Sete Reinos, onde fica a Irmandade da Patrulha da Noite, é contada a história de Jon Snow após tomar a decisão de ir e se juntar a irmandade, ao ser encorajado por seu tio Benjen Stark. Seu principal objetivo é tornar-se um Patrulheiro, entretanto, ele deve vencer muitos obstáculos. Por fim, a terceira história, acontece no Leste, na Cidade Livre de Pentos, onde os irmãos Viserys Targaryen e Daenerys Targaryen vivem em exílio há treze anos. Filhos de Aerys II, Viserys seria o único herdeiro se o Robert Baratheon não tivesse usurpado o trono. Com planos para reconquistar seu trono, ele vende sua própria irmã a um Guerreiro Dothraki, chamado Khal Drogo.

Cada capitulo é contado na terceira pessoa, de acordo com a perspectiva de um único personagem. No prologo, inicia com um homem da Patrulha da Noite. Os outros capítulos são vistos pela perspectiva de Eddard Stark, Guardião do Norte; Catelyn Stark, esposa de Eddard Stark; Sansa Stark, filha mais velha de Eddard e Catelyn; Arya Stark, filha mais nova de Eddard e Catelyn; Bran Stark, o segundo dos três filhos de Eddard e Catelyn; Jon Snow, o filho de Eddard Stark fora do casamento, Tyrion Lannister, é um anão e filho de Lorde Tywin Lannister e por fim, a última perspectiva é de Daenerys Targaryen, Princesa da Pedra do Dragão e segunda herdeira do trono Targaryen.

É um livro ótimo, com uma história fascinante, que prende o leitor do início ao fim, é verdade que os livros assustam um pouco pela grossura, mas eu consegui ler o primeiro em menos de um mês, mas não posso negar que ele ficou pequeno depois que me prendi a história. Mesmo sendo apaixonada pelo gênero, não posso negar que alguns assuntos me fizeram demorar a ler ele, já que a história foi feita de uma forma mais realista, contando detalhadamente algumas cenas. Na história é abordado diversos temas como incesto, prostituição, traição, estrupo, infanticídio, eutanásia, entre outros. A história tem como público alvo os adultos e possuem muitas discrições de violência e relacionamento íntimo dos personagens. O autor coloca na história o que tem de pior em um ser humano e mescla isso com qualidades que admiramos nas pessoas, como por exemplo, a coragem. É uma história cheia de reviravoltas, e você não consegue escolher exatamente um lado para ficar torcendo, já que não tem como identificar vilões e mocinhos separadamente, ali todos tem seus pecados, suas escolhas boas e ruins, são humanos, estão propensos a errar ou acertar, o que torna a história bem mais chamativa.

Espero que tenham curtido, para quem leu o livro eu gostaria de saber a opinião, é só comentar, e para quem não leu, fica a dica de leitura. Até a próxima!

Resumo da minha opinião: Egyptian Mau

“Quando se joga o jogo dos tronos, ganha-se ou morre. Não existe meio-termo”.

You Might Also Like

2 comentários:

  1. Olá, gostei bastante da sua resenha.
    Amo esse livro e preciso muito criar coragem para ler os seguintes. rsrs.
    Sou apaixonada na série tbm e acho a primeira temporada bem fiel ao livro.
    Gostei bastante do seu blog.

    Beijinhos.
    https://literatusocuto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dani, fico muito feliz que você tenha gostado.
      Agradeço sua visita, fiquei muito feliz!
      Espero que continue vindo.

      Abraços!

      Excluir