[Filme 019] Primos

08:24 0 Comments A+ a-

Título: Primos
Gênero: Comedia Romântica
Ano: 2011
País: Espanha
Diretor: Daniel Sánchez Arévalo

Sinopse: Cinco dias antes do casamento Diego foi deixado pela esposa. Qual a atitude sensata e madura que deve ser tomada nesta situação? Aparecer na igreja na data marcada para o casamento, caso ela se arrependa? Ficar bêbado e falar insultos acompanhado de seus primos Julian e José? Tentar recuperar um amor do seu passado?

“No puedo decir que te quiero, porque es demasiado pronto y no te quiero asustar. Por eso te digo que te ‘prequiero’. Te prequiero mucho”.
España
No recomendada para menores de siete años


Diego estava noivo e vive em Santander, entretanto a cinco dias do casamento sua noiva deixa-o plantado. Seus dois primos, Julian e José, estão acompanhando ele neste triste momento de sua vida, consolando-o e tentando levantar seu ânimo. Entre alguns goles de bebida, Diego decide recuperar Martina, um amor do passado e para isso, precisa voltar ao lugar que morava em sua adolescência.

Primos é um filme dirigido por Daniel Sánchez Arévalo, é uma comédia que aborda o tema da imaturidade masculina diante de um fracasso no amor, com um ponto de vista terno e romântico. Tem um clima um tanto nostálgico para os personagens, que regressam para uma vila, onde viveram sua adolescência e tiveram recordações inesquecíveis. Não posso negar que ri com algumas cenas, que na minha opinião, foram engraçadas, entretanto existem alguns pontos negativos que fizeram com que eu não curtisse tanto. 

Durante todo o filme, as partes cômicas giravam em torno de palavras de baixo calão e senti uma falta de estrutura na história. Chegou a ser um pouco frustrante, enquanto eu estava assistindo e sentindo que a história estava tomando um rumo e criando um certo sentido, sem prévio aviso a situação muda, a história está perto do fim e “puf” o filme acabou. Esta é minha opinião sobre o que filme me passou, não é que o filme seja bom ou ruim, mas este foi o lado negativo que Primos me transmitiu. Como pontos positivos, tiveram momentos em que dava para torcer pelo Diego conseguir conquistar seu antigo amor, você espera que ela ajude ele no caminho de tomar decisões maduras em sua vida, mostra de uma forma cômica, que existem relacionamentos que são prejudiciais para nossa saúde física e psicológica e eu gostei do ambiente familiar que o Diego se envolveu para conseguir curar suas feridas, buscando a amizade dos primos e buscando consolo com Martina, que além de um amor do passado, era sua amiga.

Bom, espero que tenham curtido, caso tenham assistido ao filme vou amar ouvir a opinião de vocês. Até a próxima!

Resumo da minha opinião: Scottish Fold


Imagem: Blog Pelikas

Graduada em Processos Gerenciais. Apaixonada por automobilismo e esportes em geral, sou Corinthiana e Rojiblanca de coração. Amo ler e assistir filmes e séries. Gosto de conhecer novas culturas e tenho um carinho especial pela Cultura asiática e árabe.