Sobre Mim

Medo de mudanças

21:19,0 Comments

Imagem do tumblr gabialvees
O medo…


“Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o que, com frequência, poderíamos ganhar, por simples medo de arriscar” - Shakespeare
Acredito que este seja um acompanhante inevitável desde o nosso nascimento. Nosso acompanhante desta viagem, a bagagem das asas do nosso crescimento e o medo de mudar, tão específico e com um efeito tão grandioso, é um sentimento humano que é necessário enfrentar.

Preocupa-nos sair da zona que nos conforta, que nos abraça e onde nos sentimos tão bem, mas a estabilidade não realiza nossos sonhos. Sonhos são feitos de tecidos compostos por atitude, dedicação, mudanças, estratégias e planejamento, que agregam valor as nossas ilusões. Chegar onde eu quero, vai depender do quanto eu posso sonhar, somando ao que eu posso fazer, para dar cada passo e sobreviver aos obstáculos, atingindo finalmente o resultado esperado.

Pergunto-me se já me senti assim, se alguma vez o medo de algo novo tenha me perturbado tanto. Talvez, eu nunca tenha experimentado chegar ao ponto de partida que me levará a alcançar aquilo que tanto desejo. Quem sabe eu já tenha experimentado um pouquinho, quando estive a ponto de cantar na frente de mais de tantas pessoas em uma igreja, onde fui pega de surpresa e não tinha tempo para ensaio, mas será que o nervosismo estava ligado ao meu sonho?


“Quando a dor de não estar vivendo for maior que o medo da mudança, a pessoa muda” - Sigmund Freud
Estamos nessa correria diária, presos a uma rotina sem fim e nos sentimos desmotivados, esta parece ser a hora de mudar, mas como? A mudança assusta até o mais pequeno dos seres, ela vem acompanhada do medo de errar. Não querer errar é bom, quando nos incentiva a fazer o certo, o que não pode acontecer é bloquear-se, quem comete erros aprende durante o caminho e o bloqueio só lhe faz errar mais vezes.


É necessário que eu mude para continuar vivendo, que o amanhã não seja o mesmo que hoje, por mais feliz que ele tenha sido. Existe a possibilidade de encontrar a felicidade nos pequenos detalhes, assim como realizar sonhos quando decidimos arriscar nas mudanças. Assumir riscos ao invés de correr riscos, admitir o medo sem transformá-lo em algo maior. Perder a mania de alimentar os obstáculos e começar a enfrentá-los. Aquilo que é alimentado cresce, e o que devemos fazer é nutrir nossos sonhos, buscar motivação diária e abastecer a confiança em nós mesmos. Podemos muito mais do que nós sabemos, e somente em situações que transformam, que podemos conhecer nossas forças.


“Eu aprendi que a coragem não é a ausência de medo, mas o triunfo sobre ele. O homem corajoso não é aquele que sente medo, mas aquele que conquista por cima do medo.” - Nelson Mandela
É um novo desafio, não posso deixar de me aventurar, cresci me arriscando nesses caminhos onde aprendemos quem somos, agora preciso mostrar aquilo que sou e o que sei fazer para continuar a trajetória que me leva ao meu objetivo. Isso leva tempo, existem tropeços, mas pensar em facilidade é se prender ao medo. O que é fácil não nos leva ao caminho esperado, em algum ponto paramos e ficamos estacionados, outros até desistem e retornam. Se pararmos parar pensar que o nosso suor e lágrimas podem se tornar um lindo lago, que embelezam a paisagem em nossa janela, que as pedras que jogarem podem servir para construir uma casa firme, e que momentos tempestuosos vão nos trazer flores e frutos ao amanhecer. Se arriscar em mudar torna-se algo muito mais divertido e sentimos até vontade de continuar, mesmo com o medo aqui do ladinho, mas é isso que somos - Humanos.

“Se escrevo alguma coisa, temo que ela aconteça, se amo demais alguma pessoa, tenho medo de perdê-la; no entanto, não posso deixar de escrever, nem de amar” - Isabel Allende

You Might Also Like

0 comentários: