Como economizar na compra do material escolar?

11:17 0 Comments A+ a-


Olá meus queridos leitores, como vocês estão?

Bom, estamos em janeiro e acredito que muitas pessoas já começaram a busca pelo material escolar, pois alguns já iniciaram as aulas, outros estão perto de começar, e tem mais alguns na fila para conseguir uma vaga para estudar — acreditem, isso é uma realidade em muitas cidades.

Mas o nosso assunto hoje é economizar. Palavra bonita, não é? Mas tem pessoas que mesmo tentando, não conseguem. Por este motivo gostaria de ajudar vocês, com algumas dicas que aprendi com os meus pais e também com as minhas próprias experiências.

Antes de tudo devemos reunir toda a família e procurar pela casa tudo que for de material ainda reutilizável. Sim, isso acontece! As vezes sobram materiais dos anos anteriores, em especial folhas de cadernos e que podem se transformar em um caderno artesanal, pegando as folhas que sobraram e montar um caderno novo. Chamem as crianças, montem com elas e aproveitem para ensiná-las a importância de não desperdiçar essas folhas. 

Estamos na metade de janeiro e tenho certeza que existe muitas pessoas que ainda não moveram um passo para comprar o material. Não deixe para a última hora! Tudo que é emergencial sai mais caro e termina por ser qualquer coisa, sem a qualidade que deveríamos observar. Evite esse cansaço e busque com antecedência, assim você poderá comparar preços.

Compras coletivas com outros pais também é divertido. Atenção mamães! Atenção Papais! Atenção grupo de amigos! Compras coletivas podem trazer bons descontos, mas nem todos podem sair nos mesmos horários. E precisa? Façam acordos, compartilhem responsabilidades, escolham alguém com mais tempo e melhor poder de negociação para procurar os itens da lista. Assim todos economizam, as crianças brincam juntas e no final pode até ter churrasquinho, verdade?

Não compre tudo da lista de uma única vez, se existe uma verdade nisso é que nem sempre será tudo utilizado durante o ano. Converse dentro da escola, entre em um acordo para ir comprando durante o ano, quando for realmente necessário. Até hoje me pergunto para quê 03 cores de papel crepom em uma sala de trinta alunos aproximadamente (Trinta cada uma das quatro turmas), fazendo as contas seriam 360 papéis crepom. Isso será usado? Então, vamos refletir um pouco e começar a usar apenas o que será realmente necessário.

Livros é considerado uma das partes mais caras da lista. No Fundamental e Médio meus pais não precisaram comprar, pois estudei em uma escola do governo, mas em cursos e faculdade foram necessários livros e apostilas. Aprendam que comprar livros que já pertenceram a outros donos não é vergonhoso e sim algo inteligente, é uma ajuda mútua, tanto você economiza e a outra pessoa ganha para conseguir seu material. Eu precisava de um livro que na loja custava R$120,00, consegui comprar um de segunda mão por R$90,00 e no ano seguinte vendi por R$80,00. Vende os livros que não é mais necessário e compra de segunda mão

Por fim, gostaria de avisar que precisam tomar cuidado com as promoções e grandes descontos. Isso é algo que não notamos, mas por pensar que são baratos, compramos mais do que o necessário e gastamos mais do que se fosse o preço original. Se policie! Se na lista pede uma caixa de lápis de cor, compre apenas uma caixa e não duas por causa do preço. 

Economizando, a gente pode até comprar outros detalhes que não estão presentes na lista, mas que ajudam na hora de estudar. Espero ter ajudado vocês, caso tenham outras dicas de como economizar, são sempre bem-vindas. Deixarei dois vídeos com mais dicas valiosas na hora de economizar. Até a próxima!



Graduada em Processos Gerenciais. Apaixonada por automobilismo e esportes em geral, sou Corinthiana e Rojiblanca de coração. Amo ler e assistir filmes e séries. Gosto de conhecer novas culturas e tenho um carinho especial pela Cultura asiática e árabe.